Nova marca identifica Londrina como capital da TI

Instituto Senai de Tecnologia em Informação e Comunicação é um dos ativos do projeto

A campanha Londrina Cidade Genial, que tem o propósito de apresentar a cidade do Norte do Paraná como a capital da Tecnologia da Informação e Comunicação, foi lançada na última segunda-feira (20). A iniciativa é de um grupo de entidades, tendo a frente a Associação Comercial e Industrial de Londrina (ACIL).
Um dos principais ativos do projeto é o Senai, entidade do Sistema Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), que vai inaugurar em 2015, na cidade, o Instituto Senai de Tecnologia da Informação e Comunicação. “A proposta é aglutinar todas as forças existentes na área na cidade e criar uma nova identidade para Londrina, buscando atrair novos investimentos”, destaca o gerente do Senai em Londrina, Almir Schenfeld.
O conceito da campanha busca uma nova identidade para a cidade, que por muito tempo foi conhecida como a capital mundial do café, título perdido desde que os cafezais da região foram dizimados por uma forte geada em 1975.
“A proposta agora é trabalhar para difundir o grande potencial da cidade na área e colocar Londrina no circuito das cidades digitais, favorecendo a instalação de empresas”, destaca Schenfeld. Ele informa que a previsão é inaugurar o Instituto Senai de Tecnologia da Informação e Comunicação no segundo semestre de 2015. “Mesmo antes da inauguração, o Senai já está atuando fortemente nesta área com as estruturas hoje disponíveis”, informa o gerente da instituição.
Além do IST, Londrina responde por metade das certificações digitais do Paraná, conta com 1,2 mil empresas da área com 14 mil profissionais, 14 universidades, 19 escolas técnicas, uma operadora de telefonia local e um dos principais Arranjos Produtivos Locais (APL) do País.
Durante o lançamento da campanha, as entidades reunidas entregaram ao prefeito Alexandre Kireeff, a minuta de uma lei de inovação para o município, proposta pelo Conselho de Ciência e Tecnologia e Conselho de Desenvolvimento de Londrina (Codel). A minuta deve ser encaminhada pelo prefeito à Câmara Municipal.
Participaram do evento as seguintes entidades: Associação Comercial e Industrial (ACIL), Arranjo Produtivo Local de Tecnologia da Informação (APL de TI), Associação dos Profissionais de Propaganda de Londrina (APP Londrina), Instituto Senai de Tecnologia (IST), Central de Inovação, Desenvolvimento e Negócios Tecnológicos (Cintec), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Sindicato das Empresas de Software do Paraná (Sinfor).

Fonte: http://www.agenciafiep.com.br/noticia/nova-marca-identifica-londrina-como-capital-da-ti/